Escolhendo uma babá

Escolhendo uma babá

Embora não exista uma idade específica da criança, para essa escolha, na maioria das vezes, acontece quando o bebê completa alguns meses de vida, antes mesmo dos dois anos de idade, principalmente se já houver a necessidade para retornar ao trabalho.

Além da preocupação em relação aos cuidados do bebê, e na análise da escolha entre babá e creche, os pais que decidem optar pela babá, devem escolher com cautela, afinal é ela que vai ficar responsável pelos cuidados e atenção com o bebê quando os pais não estiverem presentes, assim como na creche, mais de uma forma exclusiva e na maior parte do tempo ficará sozinha com seu filho.

Escolher uma babá nem sempre é uma tarefa fácil, ela precisa primeiramente gostar de cuidar de bebês, ter noções básicas de primeiros socorros, ser maior de idade, e saber cozinhar, no caso de bebês que se alimentam de papinha, além da amamentação, ter curso na área, e principalmente ter boas recomendações.

Há muitas agências que oferecem este tipo de serviço, mais você pode optar por indicações de amigos e familiares, mas em ambas as situações, fazer uma entrevista com a candidata e saber mais sobre o cotidiano, habilidades e especializações, é uma ótima opção, além de um período de adaptação para conhecer melhor a babá, suas formas de cuidados e costumes, além da empatia com os pais e criança, é importante deixar dito ou escrito suas recomendações em relação ao bebê. Após analisar os requisitos e decidir deixar seu bebê, se sentir seguro é uma boa forma de começar a escolha, se não houver, talvez seja melhor analisar se realmente é a babá ideal para sua família.

Fonte imagem: Dicasdemulher.com.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os campos marcados com * são obrigatórios.