O CHORO DO BEBÊ E SEUS SIGNIFICADOS

O CHORO DO BEBÊ E SEUS SIGNIFICADOS

Como os bebês ainda não conseguem falar, sua linguagem de comunicação está no choro, no sorriso, no olhar ou mesmo nos gestos. Cada um tem seus significados e a mãe, quando atenta, é capaz de identificá-los corretamente.

A equipe Tutticare separou algumas dicas para a mamãe e o papai conseguirem identificar a linguagem do bebê:

 

  • Sono

O choro quando estridente, intenso, constante e monótono pode significar sono. Isso depende da agitação do bebê. Em alguns casos, a criança não consegue dormir por ter passado um dia agitado em ambientes diferentes ou, simplesmente, por ter passado muito do seu horário ideal de ir para a cama. Nesse caso, pegue ela no colo, cante uma canção de ninar e procure andar bem devagar com o bebê.

 

  • Desconforto

Choro mais suave e fraquinho. Basta levar o bebê ao colo para amenizar o desconforto. Também pode ser um sinal de certa indisposição estomacal, então faça a criança arrotar.

 

  • Dor

Quando a criança está com dor, ela dá um grito agudo, seguido de um pequeno intervalo. Logo após, um choro intenso e forte acompanhado de gritos. A dor pode ter diversas origens. Se não identificar ser algo simples, leve o bebê ao médico.

 

  • Pedindo atenção

Este é um choro que tem um apelo emocional. A criança quer atenção ou colo. É um choro mais contínuo e baixo. É importante a mãe identificar se o bebê está muito sozinho ou se está acostumado a ter atenção o tempo todo e, por isso, quando não a tem, chora intensamente.

 

  • Choro de cólica

Pode ocorrer várias vezes ao dia. A cólica é causada por movimentos intestinais devido à alimentação, podendo ocorrer sempre no mesmo horário. Nesse caso, o choro é intenso e pode durar bastante tempo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os campos marcados com * são obrigatórios.